Notícia

Encaminhar esta notícia Imprimir esta notícia Aumentar fonte Diminuir fonte


10/10/2017

Foi enfatizado na 31ª sessão ordinária o feminicídio.

 No plenário da Câmara de Itapecerica da Serra, hoje (10/10), às 19:00 horas, se iniciou a 31ª sessão ordinária, transmitida ao vivo pela internet.

 Na primeira parte da sessão foram votados requerimentos destinados ao Poder Executivo do município.

 O vereador José Martins se pronunciou na tribuna sobre o requerimento nº252/17, de sua autoria, que levanta o questionamento sobre a responsabilidade da iluminação da rodovia que passa pela cidade.

 Na segunda parte da sessão foi aprovado o pedido de vista do Projeto de Lei nº 1688/17, de autoria do Poder Executivo que “autoriza a prefeitura do município de Itapecerica da Serra a instituir como símbolo da administração o logotipo e slogan “juntos, construindo uma cidade organizada”. Também foi aprovada a rejeição ao veto total ao Projeto de Lei nº 1255/17, de autoria do vereador Presidente Pastor Marcio Roberto, que “ torna obrigatório o registro de violência contra a mulher no prontuário de atendimento médico, na forma que especifica”. E aprovado em votação única o Projeto de Lei nº 1261/17 de autoria do vereador Val Santos, que “inclui no calendário oficial das datas e eventos do município de Itapecerica da Serra, dia 03 de novembro como dia municipal do cabeleireiro englobando os barbeiros, esteticistas, manicures, pedicures, depiladores e maquiadores”.

 O Presidente da Câmara Pastor Marcio falou sobre a importância do Projeto de lei nº1255/17, de sua autoria, relembrando o grave problema do feminicídio e o seu apoio irrestrito a causa.

 As sessões ordinárias destinam tempo da sua segunda parte para o uso pessoal da palavra pelos vereadores, onde são tratados temas que os legisladores queiram dividir com a população. Na 31ª sessão foram inscritos os vereadores Ramon Corsini, Pastor Marcio, Markinhos da Padaria.

 Ramon Corsini informou os presentes sobre o PDUI “Programa de Desenvolvimento Urbano Integrado”, determinado pela legislação estadual que estipula diretrizes para o desenvolvimento da região Metropolitana. O vereador falou como este programa é determinante na implantação de novas empresas no município.

 O Presidente da Câmara Pastor Marcio usou seu tempo na tribuna para tratar do crescimento da cidade, abordando leis que engessam economicamente o município sem oferecer em contrapartida benefícios para Itapecerica da Serra.

 Markinhos da Padaria criticou novamente o serviço da empresa SABESP e o Governo do Estado de São Paulo no que se refere à falta de acesso para a cidade de Itapecerica pelas rodovias que passam pelo município. Acrescentando ao discurso dos vereadores Ramon Corsini e Pastor Marcio.

 Zecas, Vice-Presidente da Câmara Municipal, encerrou a sessão elogiando o trabalho realizado na escola municipal do Bairro Analândia, que promoveu a aproximação da polícia militar com jovens alunos.



.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.


Publicada por em 10/10/2017

Receba as notícias da Câmara em seu email

Copyright® 2017 - Todos os Direitos Reservados.| Desenvolvido por SINO Informática